Criar filmes baseados em jogos é um dos calcanhares de Aquiles
em Hollywood e Uncharted: Fora do Mapa sabe que não está nadando em um território
desconhecido e talvez pudesse ter se saído melhor se estivesse e não precisasse
enfrentar comparação com a popular franquia de jogos do PlayStation nos quais
foi baseado. Tal como acontece com todas as adaptações de games, o filme veio
com grandes expectativas, pois os jogos originais de Uncharted já são
cinematográficos por si só, estabelecendo um alto padrão desde o início.
Adicionando mais competição à mistura, o filme não precisava apenas se
preocupar em fazer justiça ao seu material original e seguir o gênero de caça
ao tesouro já seria algo estabelecido em explorar no qual vimos nos filmes de
Indiana Jones.

Aliás, Indiana Jones serviu de inspiração para os games
originais de Uncharted. Em suma, não faltou inspiração fantástica para aqueles
por trás da versão cinematográfica de Uncharted: Fora do Mapa olharem em seus
esforços para fazer algo verdadeiramente espetacular. O filme nos mostra que enquanto
trabalha como barman, o ladrão Nathan Drake (Tom Holland) é abordado pelo experiente
caçador de tesouros Victor “Sully” Sullivan (Mark Wahlberg) e oferece a chance
de recuperar uma fortuna perdida e encontrar seu irmão desaparecido ao longo do
caminho. Aproveitando a oportunidade de trazer seu irmão para casa, Drake se
une a Sully em uma missão que os leva por todo o mundo e os joga direto no
caminho do perigo.

APESAR de passar anos em desenvolvimento, o filme não
consegue realmente sair da sombra do conteúdo há muito estimado que veio antes
dele. Mesmo com um orçamento enorme, o longa parece querer ficar “Fora do Mapa”
para conectar seu público na trama que se desvia de vários pontos de
verificação importantes ao longo do seu caminho no enredo, o que acaba falhando
em garantir o que quer que seja esse tesouro indescritível que torna seu
material tão especial.

Mesmo com suas inconsistências na história, Uncharted: Fora
do Mapa ainda preenche todos os requisitos no que diz respeito a um filme de
ação e aventura justo. Contendo todos os ingredientes-chave de uma caça ao
tesouro clássica, há o suficiente em termos de acrobacias, viagens ao redor do
mundo e travessuras para manter o público entretido durante 1 hora e 56
minutos. Isso se deve, em parte ao tom espirituoso nos jogos com o protagonista
Nathan Drake, mas o enredo e o roteiro extremamente fracos fazem com que o
filme acabe se perdendo na sua clara falta de tom. A comédia forçada nas cenas
de ação fez com que o diálogo se perdesse em muitas oportunidades para se
tornar um filme totalmente divertido.

Infelizmente, as performances também fazem pouco para adicionar
muita faísca à tela. Tom Holland e Mark Walberg já provaram anteriormente que
são perfeitamente capazes de serem carismáticos na tela individualmente, mas
juntos eles não conseguem construir muita química, não importa se estão
brigando ou encontrando o caminho para a amizade. Há uma sensação de que o
Sully de Mark Walberg parecia mais Mark Walberg caçando tesouros do que o
próprio Sully icônico. Infelizmente, também não há muita química acontecendo
entre nenhum dos outros personagens, embora existam alguns bons momentos de
indivíduos aqui e ali, os relacionamentos na tela são sem graça e com momentos
forçados e desajeitados na pior das hipóteses. 

Os fãs dos jogos ficarão
desapontados ao ver que muitos dos traços de personalidade icônicos dos
personagens também se perderam no roteiro e mesmo com que o filme possa ser
fundamentalmente simples, os espectadores comuns ficarão satisfeitos em saber
que não é totalmente desprovido de diversão. Os últimos vinte minutos pegam a
bola com uma batalha de navio pirata extravagante realizada nos céus,
finalmente explorando um pouco da faísca que alimenta seu material original.

Embora possa não capturar toda a magia no coração dos jogos
nos quais foi baseado, no geral Uncharted: Fora do Mapa ainda oferece a aventura
prometida e se o game tivesse seguido a linha dos filmes de Indiana Jones para
se inspirar poderia ter sido muito mais popular.


Nota:2,5/5


Sinopse:

Nathan Drake e seu parceiro canastrão Victor “Sully” Sullivan embarcam em uma perigosa busca para encontrar o maior tesouro jamais encontrado. Enquanto isso, eles também rastreiam pistas que podem levar ao irmão perdido de Nathan.


Trailer:



Continue ligado no Protocolo XP nas redes sociais, estamos no Facebook e Instagram.
Sem Avaliação

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.